Brasileiros criam mochila-skate e faturam R$ 50 mil em 1 dia

A Movpak é capaz de percorrer 100 quilômetros com um gasto de 6 centavos, afirmou ele em entrevista a EXAME.com. O gasto seria resultante das recargas da bateria da mochila-skate, que demoram cerca de duas horas

São Paulo - Uma mochila que se transforma em skate elétrico foi criada pela startup brasileira Movpak. Batizada com o mesmo nome da empresa, a invenção levantou só hoje mais de 50 mil reais no site de financiamento coletivo Kickstarter.

Segundo Hugo Dourado, cofundador da Movpak, a ideia da mochila-skate surgiu durante uma viagem entre a Holanda e a Bélgica. Lá, ele viu um grande estacionamento de bicicletas e decidiu criar um produto que levasse as pessoas de espaços como aqueles aos seus locais de trabalho.

Após dois anos de desenvolvimento, a Movpak está pronta. Ela tanto pode ser usada como uma mochila comum quanto como um meio de transporte, já que conta uma prancha de kevlar com rodinhas que, quando posta na horizontal, transforma a mochila num skate. 

Apoiada numa estrutura de alumínio aeronáutico, essa prancha se movimenta com a ajuda de um motor ligado a uma bateria. Ela fica na parte de dentro da mochila e tem carga suficiente para fazer a Movpak rodar 14 quilômetros com velocidades de até 24 quilômetros por hora. 

Para controlar a velocidade do veículo, o usuário conta com um controle sem fio que se comunica com a prancha por Bluetooth. Segundo Dourado, qualquer pessoa consegue aprender a usar o gadget em 10 minutos. 

"A Movpak é capaz de percorrer 100 quilômetros com um gasto de 6 centavos", afirmou ele em entrevista a EXAME.com. O gasto seria resultante das recargas da bateria da mochila-skate, que demoram cerca de duas horas.

A Movpak conta ainda com funções adicionais. Um exemplo disso é a entrada USB, que permite a recarga de tablets e celulares. O peso de 7,7 quilos ainda assusta, mas Dourado afirma que versões mais leves já estão em desenvolvimento.

Lançado hoje no Kickstarter, o projeto de financiamento coletivo da Movpak já havia faturado mais de 25 mil dólares (cerca de 58 mil reais) até as 17h. Dourado está animado com o sucesso e já planeja novas versões do produto para o futuro.

"Queremos mostrar que o Brasil produz mais do que só samba e futebol", afirmou ele




Related Stories




As seen IN